close button

publicidade

A Profissional l Crítica

A Profissional
Veja o que achamos de A Profissional, novo lançamento de ação que conta com Maggie Q e Sammuel L Jackson no elenco. Vale a pena ir ao cinema?

Filmes de ação com protagonistas femininas estão se tornando uma verdadeira tendência e “A Profissional” nos faz pensar que este fenômeno é realmente promissor. Se antes, as donzelas precisavam ser salvas, Maggie Q, que interpreta Anna, prova que elas também podem ser verdadeiras heroínas.

Dirigido por Martin Campbell, que também trabalhou na direção de 007: Cassine Royale, conhecemos a história de uma vietnamita que possui habilidades de luta e é uma verdadeira heroína. Confira o que achamos do lançamento que chega aos cinemas agora no dia 11 de novembro.

Uma protagonista em um gênero dominado por homens

Não é preciso ser nenhum fã de filmes para saber que o gênero de ação (e boa parte dos outros gêneros) ainda é dominado por homens, certo? A aposta da Imagem Filmes para novembro leva o nome de “A Profissional” e conta com Maggie Q como protagonista, esta que foi treinada por ninguém menos que Bruce Lee. Apenas ao colocar uma mulher para ser o centro de toda uma história que gira em torno de muita ação, mortes e até mesmo tiroteios, parecia uma ideia um tanto arriscada.

Mas Maggie Q, que contracena ao lado de Samuel L Jackson, conseguiu quebrar este paradigma sem precisar se esforçar e colocando seu nome, mais uma vez, como uma atriz que não precisa ser salva, mas sim faz parte e boa de toda a missão de resgate. Em seu papel, somos convidados a conhecer uma vietnamita que foi salva de um ataque de organização criminosa, onde toda sua família foi assassinada.

E sabe aqueles filmes onde você consegue esquecer da pessoa que está interpretando e ver apenas o personagem? É dessa forma que podemos definir Anna, que apesar de não ser reconhecida, pode ser definida como uma agente secreta extremamente ágil e que merece reconhecimento de todo o público.

Se o protagonismo dos filmes de ação está mudando, isso feito por meio do cargo de agente secreto 007 agora ser ocupado por uma mulher e até mesmo com todo o sucesso de Viúva Negra e os filmes da Mulher Maravilha, Maggie Q também merece créditos por este fenômeno.

Início de A Profissional

A primeira meia hora do filme é mais focada em mostra a origem de Anna, nos dando informações como ela e Moody (interpretado por Samuel L Jackson) se conheceram. Cerca de dez minutos depois desde o começo do longa-metragem, então temos um salto de tempo que deixa a história mais dinâmica. Dessa forma, é possível dizer que cenas de ação são de fato, o ponto alto de A Profissional.

Desde o começo de toda a trama, vemos Maggie Q em ação e provando ser um dos grandes nomes do gênero de ação. A relação entre Anna e Moody é quase de pai e filha, uma vez que o personagem de Samuel L Jackson acabou criando a mesma desde muito nova, quando a salvou de um ataque.

O ponto mais interessante é que ela mostra ao que veio já no começo de toda a trama, então sabemos que sim, todo o filme terá muita ação, tiroteios e mortes. A Profissional poderia ser facilmente comparado como um possível spin off da academia onde James Bond se especializou e funcionaria sem nenhuma menção ao agente secreto mais famoso do Mundo.

Desenvolvimento de A Profissional

Se a ação chama atenção em toda a trama de A Profissional, seu desenvolvimento acaba tropeçando em alguns pontos. Se a protagonista tinha um certo objetivo até a primeira hora do filme, isso é deixado quando um certo personagem retorna para a trama. A partir disso, não sabemos em certo pelo o que a protagonista está lutando. Fica complicado entender onde a mesma quer chegar, agora que o motivo de toda sua vingança está de volta à vida.

Até conseguimos ver ambos trabalhando juntos e por alguns momentos, isso é muito interessante, mas o foco da protagonista se perde completamente e ela mais passa a ser assistente do que de fato, assumir o papel principal. Seria interessante que este retornasse apenas no final de trama, uma vez que a personagem de Maggie Q já conseguia se virar sozinha sem nenhuma ajuda.

Chegando ao final da trama, vale a pena citar que sim, ela acaba conseguindo se vingar e ter o que deseja, mesmo que a pessoa que foi a origem de toda a vingança está de volta à vida. Em cerca de uma hora e meia, vimos a história caminhar para três caminhos diferentes, estes que não necessariamente eram tão necessários.

Dessa forma, seria mais interessante organizar o roteiro para provar que A Profissional faz jus ao nome e sabe trabalhar como a melhor no que faz. Afinal, como explicar uma Profissional que mais trabalha com ajuda de outra pessoa?

Vale a pena ir ao cinema assistir A Profissional

Com uma estreia agendada para o dia 25 de novembro no cinema, mesmo mês que Os Eternos e próximo de Homem Aranha: Sem Volta Pra Casa, o longa-metragem com protagonismo de Maggie Q, que também conta com Samuel L Jackson, pode ser definido com um filme que tinha uma premissa interessante, mas se perdeu em seu roteiro. Se você é do tipo de pessoa que gosta de filmes de ação, com certeza será “bem alimentado” pelas cenas que são de tirar o fôlego e estão em quase todo o filme.

Mas um grande problema é que A Profissional, que teve uma imagem trabalhada de personagem que atua apenas sozinha, por mais que tivesse um parceiro antes de ter uma motivação, acaba sendo muito dependente de uma pessoa durante uma parte do filme. O que causa um certo erro no roteiro, mesmo que este mesma pessoa tenha ajudado Anna a atingir seu objetivo.

As cenas de ação são bastante impressionantes e durante alguns momentos, é possível conferir algumas paisagens do Vietnã que nunca vimos antes. Mas tirando isso, parece que ainda faltam elementos no filme para que o mesmo seja comparado com filmes do gênero. A tentativa é válida e se o mesmo ganhar uma sequência, isso será ainda melhor trabalhado.

A Profissional estreia nos cinemas de todo o Brasil no dia 11 de novembro.

A Profissional

A Profissional
3 5 0 1
Em A Profissional, Anna (Maggie Q) é uma matadora de aluguel extremamente habilidosa treinada pelo lendário assassino Moody (Samuel L. Jackson), que a ensinou tudo que sabe e era a única figura paterna que ela já teve. Quando Moody é brutalmente assassinado por inimigos, Anna jura se vingar e acaba caindo em um jogo de gato e rato com um maníaco homícida (Michael Keaton) cuja obsessão por ela que vai além de suas habilidades como matadora.
Em A Profissional, Anna (Maggie Q) é uma matadora de aluguel extremamente habilidosa treinada pelo lendário assassino Moody (Samuel L. Jackson), que a ensinou tudo que sabe e era a única figura paterna que ela já teve. Quando Moody é brutalmente assassinado por inimigos, Anna jura se vingar e acaba caindo em um jogo de gato e rato com um maníaco homícida (Michael Keaton) cuja obsessão por ela que vai além de suas habilidades como matadora.
3/5
Total Score

Veja também

Gosta de filmes de ação? Confira o que achamos da última aventura de Daniel Craig como o agente 007:

Postagens Relacionadas