close button

publicidade

6 livros que imaginam o mundo onde o Nazismo ganha a guerra

E se os Nazistas tivessem ganhado a 2ª Guerra Mundial? A série do Prime Vídeo The Man in the High Castle nos mostra esse ponto de vista, e ela foi inspirada na obra de Phill K. Dick. Dentre as ficções alternativas é provavelmente a mais popular, com seu cenário sombrio e distópico em que os nazistas ganharam a guerra apresentados pelo olhar de um dos mais importantes autores da ficção cientifica. Mas esse não é o único livro que nos trás essa visão, então rola pra baixo para conhecer outros grandes autores que nos dá essa perspectiva.

Noite da Suástica, de Katherine Burdekin:

A obra fica no meio termo para ser de fato ficção alternativa, já que sua publicação ocorre em 1937 e especula e observa uma Alemanha governada pelo nazismo e hoje é vista dentre as obras que apresentam a vitória dos nazistas;

O Sonho de Ferro, de Norman Spinrad:

Laureado com os principais prêmios da FC, a obra imagina um Hitler escritor e ilustrador de FC e contem um livro dentro do livro, escrito pelo próprio Hitler. A obra também está entre as mais populares do gênero;

A Segunda Pátria, de Miguel Sanches Neto:

O Brasil tem suas colaborações para histórias alternativas sobre a Segunda Guerra, neste romance em que Getúlio Vargas alia-se ao Eixo, algo que aliás, não ocorreu por pouco;

Pátria Amada, de Robert Harris:

Neste, Hitler não só vence a Guerra, mas chega a comemorar seu aniversário de 75 anos numa sociedade que o holocausto, por exemplo, é ignorado. A trama além de ficção alternativa, é também história de detetive;


SS-GB, de Len Deighton:

Nesta trama a Inglaterra está ocupada pelos nazistas, e totalmente em ruínas;

Lobo por Lobo, de Ryan Graudin:

Depois de o Eixo ter ganho a Guerra, cria-se uma competição comemorativa cujo prêmio é o encontro com o vitorioso Hitler.

Gostou? Deixe aqui nos comentários quais outros livros nessa temática tinha que estar nesta lista!

Postagens Relacionadas