close button

publicidade

Os Pequenos Vestígios

Os Pequenos Vestígios é um thriller dramático opressivo e sombrio, Denzel Washington interpreta o policial Deke. Um sujeito com talento para observar detalhes que auxiliam a solucionar casos complexos, porém, Deke se depara com um assassinato parecido com um de seus casos antigos não resolvidos, e se une com o também policial Baxter (Rami Malek) para investigar a história. As investigações apontam para um sujeito estranho e de comportamento atípico (interpretado por Jared Leto), mas descobrir provas para culpá-lo será um desafio para Deke e Baxter.

Confesso que uma dos meu gêneros favoritos são investigações criminais. O caminho para descobrir o culpado pelo crime, e como a polícia consegue devendar esses mistérios sempre foram de grandes valia para mim. Porém é claro, há aqueles filmes que simplesmente faz com que eu fique completamente decepcionada, não pela falta de resolução do caso – o que acontece aqui, mas pelo óbvio fato de que ninguém na produção sabia exatamente o que fazer com o filme.

Acontece que a direção de John Lee Hancock não parece empolgada com um retorno do cinema às investigações. Isso porque Os Pequenos Vestígios, mesmo que, aos poucos, ganhe corpo, infle e alimente a curiosidade do espectador, nunca chega a um ápice. Hancock se perde numa ambientação sombria e cortes confusos de câmera para tentar passar o ar de suspense, e esquece que é necessário desenvolver seu filme de uma forma que não fique irritante.

Sem energia para ter personalidade, sem originalidade textual e dependendo das atuações dos protagonistas — e de Jared Leto como Albert Sparma —, o filme não chega a lugar algum. Talvez seja essa a ideia: rodar, rodar, rodar e permanecer um hamster conformado invés de criar substância e quebrar a própria jaula. Os flashbacks, que, da maneira que são construídos, poderiam indicar um valor substancial nessa transformação, deságuam em surpresa nenhuma, sendo inofensivos dentro do contexto.

E, considerando que, “Os Pequenos Vestígios” tinha potencial de ser um filme de serial killer com uma premissa interessante e uma conclusão que fosse além do óbvio, sem forma e sem conteúdo, Os Pequenos Vestígios acaba também sem impacto, como se as duas horas antes das últimas cenas fossem vazias — e estas (as últimas cenas) fossem a cobertura sem gosto do bolo vencido e oco.

Os Pequenos Vestígios

Os Pequenos Vestígios
2 5 0 1
Deke é um policial cansado, com um talento para enxergar os pequenos detalhes que podem solucionar casos e com uma tendência por quebrar regras. Quando ele se une ao esperto detetive Baxter, para encontrar um serial killer, seu passado obscuro e mau comportamento começam a se tornar um problema.
Deke é um policial cansado, com um talento para enxergar os pequenos detalhes que podem solucionar casos e com uma tendência por quebrar regras. Quando ele se une ao esperto detetive Baxter, para encontrar um serial killer, seu passado obscuro e mau comportamento começam a se tornar um problema.
2/5
Total Score
Postagens Relacionadas