close button

PUBLICIDADE

Mi 11 da Xiaomi chegou com SnapDragon 888 e mais

A Xiaomi não quis perder tempo e garantiu seu posto de primeira a anunciar um smartphone com o mais potente processador da Qualcomm, o Snapdragon 888.

A parceria com a fabricante de chipsets para smartphones tem alguns anos e sempre está nos anúncios de novos Chipsets da Qualcomm.

Duarante o último mês muitas fabricantes tentaram, mas é a Xiaomi que traráo primeiro smartphone em 2021 com o Snapdragon 888.

Tela OLED com 120 Hz e resolução alta

Proporção tela/corpo xiaomi cresceu, dando mais expaço de aproveitamento frontal.

Sua tela tem 6,81″, OLED e com atualização de 120 Hz. Pelas imagens divulgadas, ele parece ter diminuído bastante suas bordas e a curvatura nas bordas laterais aparentam estar um pouco mais presentes, o que dá um ar mais premium para o aparelho, mas alguns podem não gostar e é daí que vem esse ganho em tamanho de tela. Mas o aparelho deu uma leve crescida.

A resolução do Mi 11 também subiu para 3200 x 1440 pixels, podendo ser usada mesmo com a taxa elevada de atualização de displays. O sensor de digitais debaixo da tela também está presente e, por não ter detalhes sobre ele, eu julgo ser um sensor ótico. Poderia já ter migrado para um sensor ultrassônico, já a que a tecnologia é mais segura.

Specs

Proporção tela/corpo xiaomi cresceu, dando mais expaço de aproveitamento frontal.

Como já adiantei, o Mi 11 virá com o Snapdragon 888, com GPU Adreno 660. Além disso ele vai ter 8 ou 12 GB de RAM e 128 ou 256 GB de armazenamento interno. sendo esse último UFS 3.1. Ele não tem Slot Micro SD.

A Xiaomi se rendeu ao cooktop

Novo estilo de câmeras, mas igual a todo o resto do mercado

Adeus sensores em formato de farol. Diferente do que vimos no Mi 10, dessa vez temos um cooktopo com camadas sobrepostas, destacando duas lentes e abrigando o terceiro sensor mais o flash na borda que segue a mesma cor do smartphone.

O sensor de 108 MP continua no Mi 11, seguido por um telephoto de 5 MP (?) e outro ultra-wide de 13 MP. A combinação de ambos pode ser uma solução descente tanto em modo retrato, como na composição das próprias imagens aproximadas entre lente principal e zoom.

Com Snapdragon 888, a Xiaomi certamente poderia ter explorado melhor o hardware para fotografia, mas ela decidiu capar o smartphone para suas inúmeras versões futuras.

Carregamento de 50 W sem fio

Bateria grande de 4600 miliamperes hora, mas sem grande duração.

O smartphone conta com capacidade de carregamento com fios de 55 W e sem fios em até 50 W. Ele pode encher o tanque de sua bateria em até uma hora, a depender do tipo de carregamento. A empresa promete 45 minutos de carga usando o carregador com fios que já não acompanhará o smartphone. Será que ser a primeira com o Sanpdragon 888 trará benefícios para ela no gerenciamento de energia?

Não podemos encerrar esse tópico sem informar que a sua bateria é de 4.600 mAh, o que pode não ser o suficiente para um dia de uso intenso com a alta taxa de atualização e resolução da tela.

Conexões e sistema operacional

Não é o mais fino e nem o mais leve do mercado, mas tem boas conexões

O Mi 11 chega com Wi-Fi 6, Bluetooth 5.2, GPS, NFC, Rádio FM, infra vermelho para controle remoto e USB-C 2.0 – Não entendo o motivo de quase nenhum smartphone usar o USB-C 3.0? Poderia dar muito mais agilidade para os usuários -.

O Mi 11 virá de fábrica com Android 11 e MiUI 12.5, o sistema mais atual da Google para dispositivos móveis e a versão mais recente da interface feita para modificar o Android.

Isso pode ser bom para alguns, mas pode trazer grandes problemas para os entusiastas que adoram comprar produtos no lançamento, já que a Xiaomi tem enfrentado muitos problemas com as versões recentes de seus softwares, com vários bugs e problemas.

Preço e disponibilidade

Várias cores é a aposta da Xiaomi para atrair quem deseja comprar na prevenda e receber no primeiro dia de 2021

A pré-venda já está sendo feita desde seu anúncio e as unidades começarão a ser entregues aos clientes a partir do primeiro dia de 2021. Seu preço sugerido é de ¥3999,00, cerca de 3200 reais em conversão direta sem a aplicação de impostos, segundo o câmbio do dia da escrita desse post. Será que o Snapdragon 888 será o suficiente para fazer os Mi Fãs ignorarem o preço elevado? lembrando que mais uma vez ele não conta com proteção contra água e poeira.

As cores disponíveis serão Black, White, Blue, Purple, Khaki e a Xiaomi adiantou que as versões globais e europeias poderão sofrer alterações.

E aí, o que você achou do lançamento da Xiaomi? O que espera em lançamentos para os topos de linha em 2021? será que teremos aparelhos mais empolgantes ou mais do mesmo?

Postagens Relacionadas
Leia Mais

Mulan ganha novos pôsteres

A Disney revelou novos pôsteres do novo live-action Mulan pelo seu Instagram oficial, que chega aos cinemas no…