Entrevista | Como Cães e Gatos 3 com Aline Ghezzi



Depois de 10 anos do lançamento do segundo filme, Como Cães e Gatos 3: Peludos Unidos! já está em cartaz nos cinemas brasileiros. O filme desta vez vai contar a história de Rogger, Gwen e sua turma, que precisam salvar os pets depois que um virus é solto no mundo fazendo com que todos gatos e cachorros voltem a se odiar.

*consulte os cinemas reabertos próximos a sua região e atente-se as normas de segurança para que todos se divirtam*

Nós do Geek já conferimos o filme, e tivemos também a oportunidade de bater um papo bem divertido com a Aline Ghezzi, dubladora da gatinha Gwen – como a Stefany.

Vem conferir!

Aline Ghezzi, dubladora brasileira da Gwen em Como Cães e Gatos 3: Peludos Unidos!
Sou apaixonada pelo trabalho dos dubladores, aquela que sempre defende assistir a filmes dublados, acho o trabalho de vocês incríveis e é um prazer imenso poder conversar com você!

Aline Ghezzi: Muito obrigada! Também é um prazer conversar com vocês, que admiram tanto nosso trabalho. A verdade é que muitas pessoas acham que é fácil, ou que qualquer um pode ser dublador, mas a verdade é que exige muito estudo e é trabalhoso. Sou dubladora a 21 anos e ainda tenho muito a aprender. Então se querem ser dublador, precisa estudar teatro, fazer pequenos trabalhos, pra ganhar confiança pra então receber grandes papéis.

A dublagem é ainda mais trabalhosa, não é? Não é só colocar sua voz ali, mas como interpretar duas vezes, porque você precisa exercer a mesma carga de emoção que o ator já colocou em tela, e também da vida a sua voz, certo?

A: Exatamente, não é só dar nossa voz, mas interpretar as ações de uma outra pessoa. Captar a essência da ator, e trazer isso para seu personagem. E isso exige uma carga de preparo, que o teatro te ajuda muito a ter.

Como foi o retorno aos estúdios em meio a Pandêmia?

A: Eu fiquei 40 dias em casa, e então fomos voltando aos pouquinho, com muitas medidas de segurança. Tinhamos que colocar luvas, toucas e máscara, quase parecia que íamos cozinhar, ao invés de fazer dublagem; (risos) álcool em gel a todo momento, script em tablets ao invés de papéis, e isso em Maio, quando ocorreu as dublagens do filme. Hoje temos outras medidas de segurança que nos permite ficar a vontade e seguros, com empresas de fiscalização e higenização que vem no estúdios periodicamente.

Vi em seu instagram que você tem bastante gatinhos, então entrepretar a Gwen deve ter sido adorável, não é?

A: Sim, a Gwen foi um presente! Ela foi uma das primeiras que eu dei voz desde o retorno às atividades, então foi adorável. Um verdadeiro presente. E nós temos muitos gatinhos em casa; eu e meu marido passamos a adotar e incentivamos aos outros a fazerem o mesmo, e a castrar também que é muito importante.

Fale um pouco sobre a Gwen?

A: A Gwen é uma gatinha diferente né? (risos) ela não é só uma gatinha, mas também uma agente, e mexe com tecnologia, mais humanizada, mas mesmo com isso ela tem hábitos muito gatunos, principalmente com as cenas da “hora do soninho” isso é muito coisa dos bichanos. Tem cenas onde ela é destemida, mas as vezes também é meiga. Dá pra ver que diretor [Sean McNamara] teve esse cuidado, de colocar esses detalhes no filme.

Por último, quando você estava lendo o script pela primeira vez, qual a cena que você achou mais engraçada da Gwen?

A: Foi a da “hora do soninho” (risos). Quando eu estava lendo e vi, dei muitas risadas, isso é tão coisa de gatos. Na verdade não estava assim no roteiro original, então quando fomos gravar conversei com a diretora, Jaqueline Brandão, para a gente deixar mais moderno. Depois que gravamos, a Jaque adorou, então ficou assim, “hora do soninho” e os ronquinhos.

Um filme para a família se divertir, com uma mensagem muito linda sobre como devemos nos conectar com as pessoas, mais no olho-a-olho e nos desconectar um pouco das tecnologias, e também sobre como devemos fazer coisas que amamos com liberdade e prazer sem que aquilo se torne um fardo, o longa é uma excelente escolha para quem quer um momento com as crianças em frente as telonas.





Postagens Relacionadas