ArtigoDestaqueFilmes

A serbian film (Terror sem limites) | 10 anos do filme extremamente pesado da historia.

0

*Este artigo não é uma critica relacionada ao longa

Imagina você que cineasta que queria criar um filme totalmente genializado mas ao mesmo tempo polêmico. É isso que pensou o cineasta Srdjan Spasojevic ao criar o longa A serbian film que foi intitulado de Terror sem limites no brasil. 10 anos apos a exibição do longa em festivais e circuitos internacionais, o filme levanta polemicas até hoje por ser a produção mais pesada da historia.

O filme conta a historia de um ex ator porno que se encontra desempregado e vai em busca de dinheiro para ajudar a familia. Ele assina um contrato com um produtor de filmes do genero e o leva a uma locação nada modesta. O que ele não sabe é que está sendo usado para fazer torturas e estupro de mulheres inocentes e acaba se envolvendo no uso de drogas e fazendo atrocidades que nunca se viu. Com um teor bem forte e explicito, Terror sem limites é a produção extremamente pesada da história envolvendo, mutilações, adrenalina forte, violência e assassinato.

E esses são os principais pontos que destacam as polemicas de Terror sem limites. Um filme que apesar de ser forte ele não foi bem nas bilheterias e claro as criticas estavam divididas entre quem gostou e quem odiou, e até pedia censura para esse filme. O peso da obra é o que mais mexe com o espectador pois se tratam de cenas absurdas e ainda de alto teor de violência. Carnificina, necrofilia e até pedofilia são questões que levaram a serio o filme sem ter consentimento algum. Apesar de nos bastidores mostrarem como são feitos, o filme mostra uma seria característica de como a produção pornô é feita. O que Srdjan queria passar era apenas como é o submundo de uma especie de mercado desconhecido por muitos e até hoje não se recomenda assistir esse filme se você é uma pessoa sensível e mesmo para quem gosta de filmes de terror, esse tem baixo escalão de ser a pior escolha para se divertir em casa.

O filme havia sido exibido em festivais naquele ano exceto no rio de janeiro onde enfrentou problemas com a justiça para ser exibido. Ja em países da Europa como a Inglaterra o filme sofreu forte censura e em outros países foram exigidos cortes em cena para evitar a censura. Só em alguns países houve exibição livre como na própria servia, país de origem do longa. Por não ter tanta minima com a censura e o teor pesado que o filme carrega, essa é uma produção que nunca merecia ter existido e claro se fosse pra haver uma lei que proibisse filmes de puro extremismo, os responsáveis estariam presos e pagando por todos os crimes que o filme contem e alem disso conteria pena de morte por danos psicológicos na mente de cada espectador. Isso seria usar o politicamente correto mas a verdade é que neste longa nada disso existe. É a exposição da doença de um maniaco que estava a solta por 10 anos.

0

Você Pode Gostar!